Internet - São Camilo
  • Marcação de Consulta e Exames: (11) 3172-6800
Hospital São Camilo
Blog São Camilo

Ver mais

5 dúvidas sobre cirurgia de prótese de joelho

Autor: Comunicação Corporativa Categoria: Dicas de Saúde

O desgaste do joelho, também conhecido como artrose, consiste na perda da camada de cartilagem que reveste a superfície articular do fêmur, da tíbia e da patela, ossos que em conjunto compõem a articulação do joelho.

Em muitos casos são indicados os tratamentos medicamentosos e fisioterápicos. No entanto, em circunstâncias mais graves, surge a necessidade da Cirurgia de Prótese de Joelho para melhorar a qualidade de vida do paciente.

Escolher por um procedimento cirúrgico como tratamento pode gerar incerteza em alguns pacientes. Por isso, o ortopedista Dr. Leandro Gregorut, atuante na Rede São Camilo de SP, esclarece 5 principais dúvidas sobre a Cirurgia de Prótese de Joelho. Confira a seguir:

 

1 - Quais as principais causas da artrose?

· Artrite reumatoide ou artrites em geral – são inflamações crônicas nas articulações causadas por doença autoimune.

· Sequela de trauma com deformidades – são sequelas adquiridas nos joelhos e proveniente ou não de cirurgias.

· Desgaste idiopático - sem motivo aparente é um desgaste que acontece com o avanço da idade.

· Uso indevido com excesso de impacto – tipo de desgaste proveniente de treinamento inadequado em quantidade ou intensidade.

· Obesidade - alguns trabalhos demonstram que pacientes que estão acima do peso tem uma maior propensão a ter artrose nos joelhos, tanto pelo aumento do desgaste causado pelo impacto mecânico nos joelhos, quanto pela deficiência de uma enzima que protege a cartilagem das articulações e também está associada à obesidade.

2 - Em quais casos é indicada a cirurgia de prótese de joelho?
A prótese de joelho ou autoplastia total do joelho é indicada quando há falha do tratamento conservador, principalmente nos casos em que o desgaste da articulação (artrose) está avançado, causando dor, perda da capacidade de andar ou de realizar as atividades de vida diária.

3 - É uma cirurgia simples? Quais os principais riscos?
É uma cirurgia complexa, mas muito segura. As técnicas atuais de cirurgia, os materiais utilizados (implantes ortopédicos) e as técnicas de anestesia evoluíram muito nos últimos anos, tornando a cirurgia segura e rápida. Os principais riscos desta cirurgia é a Trombose Venosa Profunda – que pode ser evitada com medicação e cuidados no pós-operatório e a infecção tardia – que apresenta uma taxa muito baixa de incidência, normalmente menor que 1% dos casos operados.

4 – Quais os cuidados pós-cirurgia e quanto tempo leva a recuperação?
Após a cirurgia, o paciente passa por um processo de fortalecimento muscular e ganho de movimentos do joelho em conjunto com a fisioterapia. Normalmente a recuperação total leva em torno de 3 a 6 meses. Esse período leva em conta a força muscular do paciente antes do procedimento e sua dedicação na fisioterapia.

5 - É possível praticar esportes normalmente após colocar a prótese no joelho?
Após a cirurgia o paciente poderá fazer caminhadas, exercícios na piscina, exercícios de fortalecimento na academia e andar de bicicleta. Orientamos o paciente a evitar corrida e exercícios que tenham a necessidade de fazer mudança de direção tais como jogar futebol, tênis, basquete, vôlei entre outros.