Internet - São Camilo
  • Marcação de Consulta e Exames: (11) 3172-6800
Hospital São Camilo
Blog São Camilo

Ver mais

Você sofre de Ansiedade

Autor: Comunicação Corporativa Categoria: Dicas de Saúde

Nervosismo, irritabilidade, dificuldade de concentração, preocupação exagerada, medo constante, sensação de que algo ruim vai acontecer e descontrole sobre os próprios pensamentos. Estes são alguns sintomas causados pela Ansiedade, que num grau mais elevado pode se tornar uma doença e até mesmo desenvolver fobias e transtornos psicológicos.

Segundo Luciana Jamas dos Santos, psicóloga na Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo, Unidade Santana, a Ansiedade é uma emoção inerente ao ser humano, que vem associada a momentos de incerteza, insegurança e situações de risco. "A Ansiedade é um mecanismo de defesa do organismo, que desempenha uma função importante na nossa vida e faz com que a pessoa busque acertar e se empenhar para fazer o melhor. A ansiedade torna-se uma doença quando seus níveis aumentam e as sensações de incerteza e insegurança ficam desproporcionais a realidade, chegando ao ponto de prejudicar a execução das atividades do dia a dia", alerta a psicóloga.

Inclusive alguns transtornos psicológicos como o Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC), a Síndrome do Pânico e o Transtorno de Estresse Pós Traumático e algumas fobias, são doenças que estão associadas à Ansiedade. "Fisicamente a ansiedade se manifesta com tremores, sudorese, aumento dos batimentos cardíacos, tontura, falta de ar, dores no peito e na cabeça e tensão muscular. Para aliviar estes sintomas físicos, recomenda-se técnicas de relaxamento, atividade física, yoga e massagem que podem auxiliar no controle da ansiedade."

A Ansiedade atualmente pode estar relacionada com diversos fatores, como por exemplo, jornadas longas de trabalho associadas a períodos intensos de estresse e pressão, após eventos traumáticos e estressantes ou após ou durante processos de adoecimento. Tanto os fatores externos quanto hormonais, deixam as mulheres mais suscetíveis à Ansiedade. "As mulheres podem estar mais suscetíveis à ansiedade, devido à maiores oscilações de níveis hormonais no organismo e também ao fato das mulheres executarem múltiplas tarefas, muitas vezes sendo exigidas de forma intensa no ambiente profissional e também pessoal", completa Luciana.

Vale alertar ainda que a Ansiedade e a Depressão são problemas diferentes, mesmo sendo comum que em quadros depressivos, a pessoa apresente sintomas de ansiedade associados. "Enquanto a ansiedade é uma emoção inerente ao ser humano, a depressão é um adoecimento em que estão presentes sintomas de tristeza, falta de esperança, desespero e desânimo. Ao notar os sintomas mais intensos da Ansiedade é necessário procurar acompanhamento médico e psicológico para auxílio no controle dos sintomas. Além disso, somente um médico poderá recomendar tratamentos com psicofármacos e medicamentos ansiolíticos", conclui a psicóloga.​