Internet - São Camilo
  • Marcação de Consulta e Exames: (11) 3172-6800
Hospital São Camilo
Blog São Camilo

Ver mais

Novo Coronavírus: cuidados essenciais para pacientes oncológicos

Autor: Comunicação Corporativa Categoria:
​O Novo Coronavírus, responsável pela atual pandemia, é uma variedade nova de uma família de vírus já conhecida, que causa infecções respiratórias. As notificações de Covid-19 vêm sendo reportadas desde o início do ano, com início na cidade chinesa de Wuhan, chegando ao Brasil.  
 

Sintomas

Na maioria das vezes, as manifestações da infecção pelo Novo Coronavírus são leves como um resfriado comum. Mas em alguns casos, a infecção pode se agravar, podendo levar a morte.
Os principais sintomas são:
Tosse
Febre
Coriza
Em casos mais graves, dificuldade para respirar
​ 

Grupos de Risco

Idosos têm mais chance de desenvolver as manifestações mais graves da doença e por isso constituem o principal grupo de risco. Pacientes portadores de problemas de saúde prévios, como doenças cardiovasculares, do sistema digestivo ou respiratório e paciente com câncer, também estão mais vulneráveis.  
 

Paciente oncológico

De acordo com Adriana Coracini, infectologista atuante na Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo, a vulnerabilidade dos pacientes com câncer pode ser causada tanto pela doença, quanto pelo tratamento. “O câncer e as medicações utilizadas no tratamento causam uma debilidade no sistema imunológico do paciente. Ele fica mais vulnerável a uma evolução, caso seja acometido por infecções virais”, explica.

Cuidados

Os cuidados para prevenção do contágio em paciente oncológicos são os mesmos já noticiados para população em geral.  A única diferença está no uso de máscara. Pacientes oncológicos devem usar máscaras quando for necessário circular em locais com muitas pessoas.
Outros cuidados são:

Não interromper o tratamento;
Sair de casa apenas em casos de extrema necessidade (como para realização de exames e sessões de tratamento);
Higiene frequente das mãos e de objetos;
Evitar contato físico como beijos, abraços e apertos de mão;
Evitar contato com pessoas com sintomas de gripe ou resfriado;
Evitar contato com pessoas que retornaram do exterior ou que têm suspeita de infecção por Covid-19.
Ao entrar em um hospital para tratamento, evitar passar pelo pronto-socorro ou circular pelo hospital;
Ser apresentar sintomas, solicitar máscara na entrada do hospital;
 
Caso o paciente oncológico apresente algum dos sintomas descritos acima, deve comunicar imediatamente seu médico.