Internet - São Camilo
  • Marcação de Consulta e Exames: (11) 3172-6800
Hospital São Camilo
Blog São Camilo

Ver mais

Principais cuidados com as crianças menores de três anos

Autor: Comunicação Corporativa Categoria: Dicas de Saúde
A formação completa do sistema imunológico da criança acontece por volta dos três anos de idade e, até que isso ocorra, os pais ou responsáveis precisam tomar alguns cuidados com a saúde dos pequenos, seja com as doenças mais comuns, com a alimentação ou até mesmo com os acidentes domésticos que, segundo o Ministério da Saúde, ainda representam a principal causa de morte de crianças no Brasil.

De acordo com o Dr. Hamilton Robledo, pediatra no Hospital São Camilo de São Paulo, as imunizações previnem a maioria das doenças durante esse período e por isso é preciso ficar atento ao calendário de vacinação antes mesmo do bebê sair da maternidade: "Os pais ou os responsáveis pela criança não devem, jamais, negligenciar as imunizações e sempre ficar atento aos cuidados com a higiene, que também contribuem para a prevenção de doenças".

Além disso, Dr. Hamilton acrescenta que é importante acostumar a criança a ingerir bastante líquido e a fazer uma alimentação saudável, evitando as frituras, refrigerantes, doces e guloseimas.

Com os acidentes domésticos a atenção também precisa ser constante e, segundo o pediatra, são muito frequentes nesta faixa etária: "A criança é muito curiosa e destemida e um minuto corresponde a uma eternidade", finaliza o pediatra.

Portanto, os principais cuidados nesses primeiros três anos da criança dependem muito das imunizações – que protegem de uma grande parte das doenças –, da mínima exposição a grandes aglomerações e a pessoas doentes e aos cuidados com a higiene, acidentes domésticos e com a alimentação.

Confira na lista a seguir os principais pontos de atenção que o Dr. Hamilton recomenda ficar alerta:

Principais doenças

- Amigdalites (viral ou bacteriana)
- Laringite (viral ou bacteriana)
- Otite
- Conjuntivite
- Anemia
- Infecções da pele (piodermites)
- Irritações de pele (brotoeja, dermatite atópicas e assaduras)
- Infecção urinária
- Infecções respiratórias virais (bronquiolite)
- Infecções respiratórias bacterianas (epiglotite, broncopneumonia e pneumonia)
- Infecções respiratórias alérgicas (rinite e asma)
- Doenças próprias da infância (sarampo, rubéola, caxumba e catapora)
- Gripes
- Diarreias (causadas por vírus, bactérias ou protozoários)

​Vacinação

- Primeiros 30 dias: BCG que protege contra tuberculose e hepatite B (três doses)
- 2º, 4º e 6º mês: Vacinas que protegem contra paralisia infantil, difteria, tétano, coqueluche, haemophilus, rotavírus , pneumococo e meningococo.
- A partir do 6º mês: Vacina contra gripe.
- A partir do 1º ano de vida: Vacina contra sarampo, rubéola, parotidite epidêmica (caxumba), varicela (catapora) e hepatite A.

Cuidados em casa

- As tomadas devem ser protegidas
- Evite deixar à mostra enfeites de vidro e pontiagudos 
- Proteja as pontas e quinas dos móveis
- Tente obstruir a passagem das escadas
- Guarde os produtos de limpeza e os medicamentos fora do alcance das crianças
- Ao adquirir brinquedos, observe a faixa etária e o selo de qualidade
- Evite oferecer azeitona com caroço, milho de pipoca e amendoim, que podem causar engasgo e aspiração
- Acompanhe a criança em piscinas e banheiras que oferecem alto risco de afogamento
- Tente não deixar a criança transitar pela cozinha durante o preparo das refeições
- Deixe panelas nas bocas de trás e cabos virados para dentro do fogão.